São Miguel dos Milagres: dicas, roteiro, hospedagem e quando ir

Resolvemos criar vergonha na cara e conhecer destinos próximos a nós, até porque tem cada paraíso bem pertinho. Pegamos o carro no dia 5 de janeiro de 2018, saindo de Recife com destino a São Miguel dos Milagres. Deu aproximadamente 3h de viagem e fomos pela parte que atravessa com balsa em Japaratinga (a travessia do carro custa R$15,00 e o percurso é bem rápido, uns 5 minutos).

Onde se hospedar em São Miguel dos Milagres

Na primeira vez, nos hospedamos numa pousada simples, mas bem charmosinha, limpa, com funcionários gente boa, localização muito boa, pertinho da praia e dá até pra ir a pé ao centro. A diária custou 180 reais. Mas, a melhor forma de se locomover por lá é de carro mesmo. Acontece de ir almoçar/jantar em algum lugar mais distante ou até mesmo conhecer outras praias.

Pra fazer a reserva na pousada que ficamos, Chalés Maresia, basta acessar esse link do booking. Além disso, ainda ajuda a gente a manter esse blog =). Caso vá escolher outra acomodação, tente escolher por essa região (tem várias opções).

Em Fevereiro de 2019, nos hospedamos no Anga Hotel e a diária custou 350 reais.

Em junho de 2019 voltamos a esse paraíso e nos hospedamos no melhor lugar de todos, até agora. Chama-se Bahay Tatu Home. São 7 casas e você pode escolher de acordo com a quantidade de hóspedes. Ficamos em uma, com dois quartos, que comporta até 4 pessoas. Tem casas com apenas um quarto (pra um casal) e tem outras com três, que cabem até 6 pessoas. Todas equipadas, com cozinha, sala, banheiro, ar-condicionado, wi-fi e jacuzi na varanda.  Quando você deseja ir a praia, ele levam e montam guarda-sol, cadeiras, mesas, cooler com gelo, etc. Quem quiser serviço, como cozinheira, eles também indicam. Os funcionários são super prestativos. A diária, nessa época que fomos, estava a partir de 363 reais, a casa com um quarto e o valor vai aumentando, de acordo com a quantidade de pessoas que comporta.

Pra quem pretende passar por Maceió, porque também é uma cidade com praias lindas, não deixem de ver o post no blog Destinos e afins, que tem muita dica legal!!

Dia 1

Visitando as piscinas naturais e a praia do Marceneiro

De manhã, falamos na recepção do hotel que estávamos interessados em fazer o passeio de jangada para as piscinas naturais. Nos indicaram um senhor, seu Antônio, bem gente boa, que foi lá na pousada nos pegar. Mas, pra quem preferir mais opções, é só sair andando pela praia Porto da Rua, em direção ao centro que tem outras pessoas que fazem o passeio, não é difícil. Custou R$50,00 por pessoa e ele nos levou até as piscinas naturais.

A maré ainda estava secando, ficamos lá curtindo até aparecer as piscinas naturais bem lindas e só voltamos na hora que pedimos, seu Antônio fica lá a disposição.

Uma boa dica que dou pra esse passeio: leve lanches, bebidas, som… enfim, tudo que puder levar pra aproveitar o máximo de tempo por lá, que é um lugar bem agradável e da pra ficar várias horas. A jangada tem guarda sol, pra quem não quer ficar esse tempo todo exposto ao sol.

E foi tudo maravilhoso, começando pela beleza do lugar, a tranquilidade, a água linda e morna e a pouca quantidade de gente que estava por ali, até me espantei por estarmos em janeiro.

Almoçamos num restaurante a beira-mar, próximo do centro, Luna bar, lugar bem agradável e pedimos uma peixada com camarão que estava bem gostosa.

Ainda dava pra curtir uma praia, então pegamos o carro e fomos em direção a praia do Marceneiro. Estava bem tranquila também, água uma delícia.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dia 2

Um pulo na praia do Patacho

Pela manhã, resolvemos pegar o carro e ir conhecer a famosa praia do Patacho. É realmente um encanto e mais uma praia bem vazia e tranquila. Tinha um senhor vendendo cerveja e água, mas aconselho a levar comida e bebida, até mesmo guarda-sol, pois lá não tem muita estrutura e o sol é beeem forte.

Confiram as fotos desse fim de semana maravilhoso e surpreendente, sim me surpreendi, nunca tinha vindo por essa parte. O que mais me encantou foi a tranquilidade desse lugar que respira simplicidade, muita natureza, pouca gente e, lógico, praias maravilhosas. Quero muito voltar e passar mais dias.

Dicas Gastronômicas de São Miguel dos Milagres

Dica importante pra quem gosta de comer bem: tem um restaurante bem famoso, No Quintal, que é bem concorrido. Então, quem desejar conhecê-lo, tem que reservar com antecedência. Infelizmente não conseguimos ir, mas deixo aqui a dica porque vários amigos indicaram.

Na Pousada da Amendoeira, tem um restaurante com comidas excelentes. Também é necessário ligar pra reservar.

Dessa ultima vez, que fomos a Milagres (junho 2019), jantamos no Patrícia Bistrô. Por ser pequeno, melhor ligar e reservar um horário.

Esses três restaurantes têm o preço parecido, com pratos custando 60/70 reais.

Outra dica: gosta de cocada? Pela região e até mesmo na estrada, tem muita gente vendendo e é simplesmente divinaaaa!

Impressões gerais de Milagres

A verdade é que achamos uma das melhores praias que conhecemos no Brasil, só perde para Noronha (da uma olhada no nosso post), e mesmo em alta estação você consegue lugares bem tranquilos nas praias.

Este slideshow necessita de JavaScript.

15 Comments

  1. É um verdadeiro paraíso mesmo! Eu ainda não conheço, apesar de amar explorar nosso Brasil…. uma observação para seus óculos que sempre arrasam! haha

  2. A praia do Marceneiro foi uma das que mais gostei. Eu estive nessa regiao em 2016 e gostaria muito de voltar para ficar mais tempo. O mirante da igrejinha é uma graça, vale a pena passar por lá tb. Quantos dias vc recomendaria para curtir as praias e piscinas naturais com calma.

  3. Realmente a região de São Miguel dos Milagres é maravilhosa! Sou suspeita para falar porque simplesmente amo Alagoas e todo o seu litoral, mas as praias de São Miguel são um espetáculo a parte! Quando fui também não consegui comer no restaurante No Quintal, mas como tenho certeza que vou voltar a esse paraíso, na próxima vez ele não me escapa!

  4. Você acredita que não lembro de ter ouvido falar de São Miguel dos Milgares, até um Youtuber casar nesse paraíso e quando via as fotos desse lugar lindo me fez clicar no link do famoso casório só para saber mais do lugar, mas não tinha nada 🙁 E que sorte a minha encontrar esse post compartilhando dicas maravilhosas desse lugar encantador. Adorei tudo e a melhor parte, foi que em 3h você consegue estar nesse lugar lindo!

  5. Amei o post! Na minha última viagem para o nordeste eu queria muito ter conhecido sao miguel dos milagres mas não tive tempo, tive que optar entre são miguel dos milagres e maragogi. Optei maragogi por conta da facilidade com transporte, já que não estava de carro.
    Me falaram que são miguel é mais simples que maragogi e que lá é mais estilo resort, não tem muita infraestrutura de restaurantes e tudo mais, é assim mesmo?! Pretendo voltar por lá para conhecer São Miguel!! Ps: morri com a praia do patacho! muito linda!!

  6. Fui a Milagres quando era criança e depois de ler o seu post, senti uma imensa vontade de programar uma viagem pra lá. Essa imensidão de mar azul e as águas morninhas das praias do Nordeste são maravilhosas!
    Adorei seu relato.
    Abraços.

  7. Hmmm, mas é bonito mesmo esse lugar, hein? Gostei do videozinho com drone e as fotos também ficaram ótimas. Essas piscinas naturais são tudo de bom pra descansar. Valeu!

  8. Precisamos fazer igual a vcs: criar vergonha na cara, pegar nosso carro e sair em direção a esta praia. Já prometi fazer isto varias vezes e nunca cumpro. E sempre que leio relatos e vejo fotos, vejo que estou deixando passar algo tão perto perto de onde moro. E mais vcs dizendo que é uma das melhores prais que conheceram. Não é pouca coisa não!

  9. Nossa que delícia de passeio!! Morro de vontade de conhecer São Miguel dos Milagres. Você já conhece Maragogi? Qual achou melhor? Já ouvi dizer que São Miguel é melhor que Maragogi. Eu ainda conheço muito pouco do Nordeste e preciso mudar isso urgente né rs!! Adorei o post e as dicas do lugar!!

  10. Nossa preciso ir pra esse lugar urgente! Olha a cor da água, e o melhor com pouca gente e tranquilo né! E se vocês acharam uma das melhores praias do Brasil então deve realmente valer a pena! Acho que vou dar uma viajadinha pelo Brasil em dezembro e já vou incluir essa dica no meu possível roteiro.

  11. Não conheci ainda São Miguel dos Milagres mas fiquei encantada com a cor do mar da praia do Patacho. Bom saber que este destino é tranquilo p/ visitar também em alta estação. Praia linda e com pouca gente é bom demais.

    1. Oi, Patricia. Então, como a gente mora em Recife, já fomos de carro. São Miguel é pequena e acho que é mais difícil alugar nela, mas eu realmente não sei te informar com certeza. Seria melhor você alugar carro e já vir com ele, seja de Recife, Maceió ou outra cidade maior. Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *