São Miguel dos Milagres

São Miguel dos Milagres

São Miguel dos Milagres: um verdadeiro paraíso

Resolvemos criar vergonha na cara e conhecer destinos próximos a nós. Pegamos o carro no dia 5 de janeiro de 2018, saindo de Recife com destino a São Miguel dos Milagres. Deu aproximadamente 3h de viagem e fomos pela parte que atravessa com balsa em Japaratinga (a travessia do carro custa R$15,00 e o percurso é bem rápido, uns 5 minutos).

Onde se hospedar em São Miguel dos Milagres

Nos hospedamos numa pousada simples, mas bem charmosinha, limpa, com funcionários gente boa e localização muito boa, pertinho da praia e dá até pra ir a pé ao centro. Mas, a melhor forma de se locomover por lá é de carro mesmo. Acontece de ir almoçar/jantar em algum lugar mais distante ou até mesmo conhecer outras praias.

Pra fazer a reserva na pousada que ficamos, Chalés Maresia, basta acessar esse link do booking. De quebra, ainda ajuda a gente a manter esse blog =). Caso vá escolher outra acomodação, tente escolher por essa região (tem várias opções).

Como chegamos a noite, apenas jantamos e fomos dormir pra aproveitar bastante o outro dia. E no domingo, dia 07 de janeiro, já estaríamos de partida.

Dia 1

Visitando as piscinas naturais e a praia do Marceneiro

De manhã, falamos na recepção do hotel que estávamos interessados em fazer o passeio de jangada para as piscinas naturais. Nos indicaram um senhor, seu Antônio, bem gente boa, que foi lá na pousada nos pegar. Mas, pra quem preferir mais opções, é só sair andando pela praia Porto da Rua, em direção ao centro que tem outras pessoas que fazem o passeio, não é difícil. Custou R$45,00 por pessoa e ele nos levou até as piscinas naturais.

A maré ainda estava secando, ficamos lá curtindo até aparecer as piscinas naturais bem lindas e só voltamos na hora que pedimos, seu Antônio fica lá a disposição.

Uma boa dica que dou pra esse passeio: leve lanches, bebidas, som… enfim, tudo que puder levar pra aproveitar o máximo de tempo por lá, que é um lugar bem agradável e da pra ficar várias horas. A jangada tem guarda sol, pra quem não quer ficar esse tempo todo exposto ao sol.

E foi tudo maravilhoso, começando pela beleza do lugar, a tranquilidade, a água linda e morna e a pouca quantidade de gente que estava por ali, até me espantei por estarmos em janeiro.

Almoçamos num restaurante a beira-mar, próximo do centro, Luna bar, lugar bem agradável e pedimos uma peixada com camarão que estava bem gostosa.

Ainda dava pra curtir uma praia, então pegamos o carro e fomos em direção a praia do Marceneiro. Estava bem tranquila também, água uma delícia.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dia 2

Um pulo na praia do Patacho

Pela manhã, resolvemos pegar o carro e ir conhecer a famosa praia do Patacho. É realmente um encanto e mais uma praia bem vazia e tranquila. Tinha um senhor vendendo cerveja e água, mas aconselho a levar comida e bebida, até mesmo guarda-sol, pois lá não tem muita estrutura e o sol é beeem forte.

Confiram as fotos desse fim de semana maravilhoso e surpreendente, sim me surpreendi, nunca tinha vindo por essa parte. O que mais me encantou foi a tranquilidade desse lugar que respira simplicidade, muita natureza, pouca gente e praias maravilhosas. Quero muito voltar e passar mais dias.

Algumas dicas gastronômicas

Dica importante pra quem gosta de comer bem: tem um restaurante bem famoso, No Quintal, que é bem concorrido. Então, quem desejar conhecê-lo, tem que reservar com antecedência. Infelizmente não conseguimos ir, mas deixo aqui a dica porque vários amigos indicaram.

Outra dica: gosta de cocada? Pela região e até mesmo na estrada, tem muita gente vendendo e é simplesmente divinaaaa!

Impressões gerais de Milagres

A verdade é que achamos uma das melhores praias que conhecemos no Brasil, só perde para Noronha (da uma olhada no nosso post), e mesmo em alta estação você consegue lugares bem tranquilos nas praias.

Este slideshow necessita de JavaScript.

2 thoughts on “São Miguel dos Milagres

  1. Arrasou gente!!Bateu aquela vontade de ir Czt 🙌😅😍 Mas já está na minha lista 😊

    1. Author
      Mirela Ferraz Reply

      Que bom que gostou!! Essse lugar é fascinante mesmo.Já queremos voltar =)

Post Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Search